26 de nov de 2009

SEITAS E HERESIAS



1. DEFINIÇÃO

Segundo o dicionário Aurélio assim é definida uma seita:
a) Doutrina ou sistema que diverge da opinião geral e é seguido por muitos;
b) Teoria de um mestre seguida por numerosos prosélitos;
c) Facção, partido.

• O termo seita vem do substantivo latino “SECTA” e do verbo “SEQUI” que significa seguir. No grego temos a palavra “HAIRESIS” (heresia) e significa: escolha, seleção, preferência. Daí surgia a palavra seita, por efeito de semântica.

• Do ponto de vista cristão, diz o Pastor Antonio Gilberto: significa “o individuo ou grupo afastar-se da Palavra de Deus e adotar e divulgar suas próprias idéias ou de outrem. Em matéria de religião, é a perversão do evangelho – II Tm. 1.13. O termo “HAIRESIS” aparece 5 vezes no Novo Testamento – vide: At. 5.17; 15.5; 24.5; 26.5; 28.22.

• No sentido bíblico “seita” é todo desvio da verdade divina como revelada nas Santas páginas das Escrituras Sagradas. As seitas seduzem pela força de suas convicções, pela sinceridade de seu entusiasmo e pela simplicidade de sua doutrina.

2. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DE UMA SEITA

2.1. Tem a tendência de se prender as coisas menores, negligenciando as mais importantes;
2.2. Prendem-se a certas verdades periféricas;
2.3. Não apresentam o Senhor Jesus como o centro das atenções, mas sim seus fundadores, profetas ou outros deuses;
2.4. Utilizam textos bíblicos isolados, interpretando-os, fora dos princípios da Hermenêutica;
2.5. Utilizam-se de fontes de autoridades fora das Escrituras como: livros, interpretações, sonhos etc.;
2.6. Seus fundadores em geram possuíam baixo padrão moral;
2.7. Tendem ao fanatismo;
2.8. A salvação é obtida através do esforço do próprio homem.

Nota: O estudo da heresiologia é importante, sobretudo pelo fato de os ensinos heréticos e o surgimento das seitas falsas, serem parte da escatologia bíblica, a doutrina que trata das últimas coisas. Paulo, Pedro e João escreveram muito ousadamente contra os heresiarcas – vide: I Tm. 4.1; II Ped. 2.1-3; I João 2.18-22

3. COMO IDENTIFICAR UMA SEITA
Uma seita é identificada, em geral, por aquilo que ela prega a respeito dos seguintes pontos:
3.1. Sobre a Bíblia Sagrada;
3.2. Sobre a Pessoa de Deus;
3.3. Sobre a queda do homem e o pecado;
3.4. Sobre a pessoa e obra de Cristo;
3.5. Sobre a Salvação e o Porvir.
Se o que uma seita ensina sobre esses assuntos, não se coadunam com as Escrituras, podemos estar certos de que estamos diante de uma seita herética.


4. FATORES QUE PROMOVEM O SURGIMENTO DE SEITAS
4.1. O diabo;
4.2. A ação diabólica no mundo – II Co. 4.4;
4.3. A ação diabólica contra a igreja – Mt. 13.25;
4.4. A ação diabólica contra a Palavra de Deus – Mt. 13.19
4.5. A Falsa Hermenêutica – II Ped. 3.16
4.6. O descuido da igreja em pregar o evangelho – Mt. 13.25
4.7. Imaturidade espiritual – Ef. 4.14

Obs.: A importância de haver ensino na igreja – I Tm. 1.3; II Tm. 3.5; Gl. 5.1; Cl. 2.6,7



“Ao rei consagro o que fiz...”


Pr. José Carlos Alexandre
Visite meu blog: http://prjosealexandre.blogspot.com/

2 comentários:

  1. A paz do senhor pastor josé, me chamo cátia sou da Igreja de Deus do Reavivamento Pentecostal(IDERP) de Porto Seguro Bahia, eu estava procurando algum assunto relacionado a seita e encontrei o seu blog,e achei o assunto interessante, irei postar no meu blog tambem se o senhor não se importar, pois uso o meu blog para dicipular alguns amigos, e entre eles ainda tem duvidas do que e seita e religião,eles gostariam de saber diferenciar uma da outra.visitarei sempre o seu blog....Que Deus continue abençoando vc e sua familia.

    ResponderExcluir
  2. muito bom o seu material , Parabens pastor

    ResponderExcluir